Irismar Reis de Oliveira/BA

A terapia cognitiva processual (TCP) foi desenvolvida pelo Professor Irismar Reis de Oliveira como abordagem para os três níveis de cognição e para ser implementada em três etapas. Em se tratando de uma abordagem centrada na formulação do caso, tem seu próprio diagrama de conceituação desenvolvido para ser compartilhado com o paciente durante cada sessão. Além do Questionário de Distorções Cognitivas (CD-Quest) que auxilia o paciente a estar permanentemente vigilante quanto às distorções cognitivas, tem registros de pensamentos próprios (intrapessoal e interpessoal), assim como uma técnica de tomada de decisão e facilitação dos experimentos comportamentais (role-play racional emotivo consensual), uma técnica para lidar com culpa (grade de responsabilidade) e a técnica desenvolvida para modificar as crenças nucleares disfuncionais (Registro de Pensamentos com Base no Processo).